Bolsonaro veta bagagens gratuitas em voos nacionais

A isenção de cobrança de bagagens de até 23 quilos em voos domésticos foi vetada pelo presidente Jair Bolsonaro no dia (17). Ele retirou da medida provisória aprovada no mês passado o trecho que permitia a gratuidade do serviço em voos domésticos.
Segundo a assessoria de imprensa do governo, “o presidente vetou a regulamentação de franquia de bagagem inserida por emenda parlamentar na tramitação da MP 863. O veto se deu por razões de interesse público e violação ao devido processo legislativo”.
O texto inicial da MP havia sido aprovado em maio, porém, foi editado no ano passado pelo ex-presidente Michel Temer. O intuito inicial da proposta era liberar até 100% de capital estrangeiro em companhias aéreas, mas passou a incluir também a questão das bagagens.
Desde 2016, o despacho de bagagens que pesam mais que 10 quilos passou a ser cobrado, com o argumento de diminuir o custo das passagens aéreas.

*Fonte: Panrotas

SUA EMPRESA TAMBÉM PRECISA DE UMA GESTÃO INTELIGENTE DE VIAGENS?

Entre em contato para contratar nossos serviços

Fale Conosco
We are using cookies to give you the best experience. You can find out more about which cookies we are using or switch them off in privacy settings.
AcceptPrivacy Settings

GDPR

  • teste

teste