Falência da Adria Airways corta voos da Eslovênia para 24 países

A falência da Adria Airways, responsável por 59,7% da capacidade internacional de assentos para a Eslovênia, resultou na perda de conexões diretas com 24 países, incluindo a República Tcheca, Espanha e Suíça, considerados mercados de origem importantes. De acordo com a Forward Keys, outros mercados-chaves como Áustria, Alemanha e França também serão impactados, já que a Adria representava 99,6%, 87,3% e 50,8% da capacidade de assentos em voos desses países, respectivamente.

“Dada a atratividade da Eslovênia como destino, espero que outras companhias aéreas preencham as lacunas deixadas pela Adria Airways, mas quanto tempo levará para voltar ao nível anterior é uma incógnita. A Eslovênia e sua vibrante capital, Liubliana, permanecem acessíveis e merecem uma visita”, comenta o vice-presidente de Insights da Forward Keys, Olivier Ponti.

A lista de países que perderam conexões diretas com a Eslovênia inclui também Albânia, Bósnia e Herzegovina, Bulgária, Croácia, Chipre, República Tcheca, Dinamarca, Egito, Estônia, Geórgia, Grécia, Hungria, Islândia, Irlanda, Itália, Jordânia, Letônia, Macedônia, Noruega, Romênia, Espanha, Suécia, Suíça e Ucrânia.

No entanto, o impacto é menos significativo do que a lista sugere porque algumas das rotas como as da Estônia, Geórgia e Grécia são sazonais e outras de Chipre, Hungria, Itália, Jordânia, Letônia, Romênia e Ucrânia são irregulares.

*Fonte: Panrotas

SUA EMPRESA TAMBÉM PRECISA DE UMA GESTÃO INTELIGENTE DE VIAGENS?

Entre em contato para contratar nossos serviços

Fale Conosco
We are using cookies to give you the best experience. You can find out more about which cookies we are using or switch them off in privacy settings.
AcceptPrivacy Settings

GDPR

  • teste

teste