Greve na Argentina: voos são cancelados.

Alguns dos sindicatos argentinos entrarão em greve geral hoje (30) contra as propostas e ações econômicas do presidente Mauricio Macri. A paralisação inclui voos com origem ou destino no país. A Anac Argentina (Administración Nacional de Aviacion Civil) confirmou que as companhias participarão da greve.

Latam e a Aerolíneas Argentinas divulgaram notas sobre os cancelamentos. A Gol cancelou todos os pousos e decolagens para o país na data.

A Azul confirmou que os seguintes voos estão cancelados: AD8762 (Confins-Buenos Aires), AD8763 (Buenos Aires-Confins), AD8760 (Confins-Buenos Aires), AD8761 (Buenos Aires-Confins), AD8766 (Campinas-Buenos Aires) e AD8767 (Buenos Aires-Campinas).

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) do Brasil afirmou que vai acompanhar as operações das aéreas nos aeroportos brasileiros.

Confira, abaixo, a nota:

“A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) está acompanhando as operações das empresas aéreas em aeroportos brasileiros devido ao cancelamento de voos com origem ou destino na Argentina, nesta terça-feira (30/4), em decorrência de greve geral convocada por sindicatos daquele país.

A orientação aos passageiros que possuem bilhetes aéreos com destino ou origem na Argentina é entrar em contato com as empresas aéreas para receber instruções sobre como proceder em relação ao voo contratado. Cabe às companhias aéreas prestar assistência aos passageiros.

A Anac orienta que, conforme consta na Resolução nº. 400/2016, nos casos de atraso, cancelamento ou interrupção de voo, bem como de preterição de passageiro em solo brasileiro, o transportador deverá assegurar ao passageiro que comparecer para embarque o direito a receber assistência material, tais como direito à comunicação, a partir de uma hora de atraso; de alimentação, a partir de duas horas de atraso; e de acomodação, a partir de quatro horas de atraso.

Independentemente do motivo, a Resolução nº 400 deve ser cumprida em todo território nacional por todas as companhias brasileiras e estrangeiras que operam no Brasil. O passageiro tem ainda o direito de ser reacomodado em outro voo, da mesma empresa ou até de outra empresa para o mesmo destino, caso o voo seja cancelado, ou pode optar também por reembolso integral do trecho.”

*Fonte: Panrotas

SUA EMPRESA TAMBÉM PRECISA DE UMA GESTÃO INTELIGENTE DE VIAGENS?

Entre em contato para contratar nossos serviços

Fale Conosco
We are using cookies to give you the best experience. You can find out more about which cookies we are using or switch them off in privacy settings.
AcceptPrivacy Settings

GDPR

  • teste

teste