Veneza começa a cobrar taxa turística a partir de abril

Compartilhe este conteúdo:
2 min restantes

Está tudo praticamente pronto para a cidade de Veneza, na Itália, começar a cobrar uma taxa de turistas que desejam visitar a cidade sem pernoitar. O novo sistema de cobrança de uma taxa de 5 euros entrará em atividade no dia 25 de abril, mas só será implementado em determinados dias da alta temporada, que vai do final de abril até 14 de julho (veja as datas abaixo). Esta taxa tinha tudo para entrar em vigor no ano passado, mas acabou sendo adiada mais uma vez pela prefeitura local.

Os ingressos deverão ser adquiridos para cada pessoa e para cada dia que pretende visitar. Os turistas terão que adquirir bilhetes de entrada através de uma nova plataforma online que acaba de ser lançada pela Câmara Municipal de Veneza, a fim de evitar o “overtourism”. Os bilhetes não serão exigidos daqueles visitantes que reservarem pernoite na cidade, mas será preciso obter uma isenção da cobrança antes de chegar à cidade.

Existirão datas específicas em que os ingressos serão necessários:

  • 25 a 30 de abril
  • 1 a 5 de maio
  • 11 a 12 de maio
  • 18 a 19 de maio
  • 25 a 26 de maio
  • 8 a 9 de junho
  • 15 a 16 de junho
  • 22 a 23 de junho
  • 29 a 30 de junho
  • 6 a 7 de julho
  • 13 a 14 de julho

Depois que os visitantes em potencial comprarem os passes de viagem de maneira online, uma cópia é enviada por e-mail ao viajante e serve como ingresso. O ingresso pode ser impresso ou salvo no seu telefone. A aquisição de um ingresso não é necessária para quem pretende visitar a cidade após às 16h e antes das 08h30. Além disso, menores de 14 anos não necessitam de ingressos. No entanto, poderá ser solicitada documentação que comprove a idade da criança.

MAIS DETALHES – Uma página novo site fornece uma longa lista de categorias de isenção disponíveis para visitantes. As isenções disponíveis incluem hóspedes de um hotel ou alojamento em Veneza. As isenções para hóspedes do hotel são válidas desde o dia da sua chegada ao hotel até o dia da sua partida. A cidade, no entanto, não exigirá ingressos para quem deseja visitar as ilhas lagunares de Veneza. Isso inclui Murano, Burano e Lido. Porém, se você passar por Veneza para chegar às ilhas, será necessário comprar um ingresso. Os ingressos também poderão ser cancelados até às 23h59 da noite anterior à visita agendada.

Fonte: Mercado & Turismo

Posts Relacionados

Rolar para cima