Como Funciona a Frota de Embarcações de Apoio Marítimo em Operação no Brasil?

No setor de offshore, além das plataformas, ainda existe outra parte muito importante para a produção. A frota de embarcações de apoio marítimo em operação no Brasil, como o próprio nome sugere, serve para oferecer suporte ao setor.

Quer entender melhor esse aspecto do mercado embarcado? Então, continue a leitura do artigo!

Como está a frota de embarcações de apoio marítimo em operação no Brasil?

De acordo com levantamento da Associação Brasileira das Empresas de Apoio Marítimo (Abeam), em maio de 2020, a frota de apoio marítimo em operação do Brasil correspondia a 367 embarcações.

Desse total, 330 têm a bandeira do país, enquanto 37 são de origem estrangeira. Porém, esse número pode variar de forma considerável no médio prazo.

Em 2005, por exemplo, havia 158 mais embarcações com bandeira de outros países. Já a frota nacional contava com 82 unidades a menos. Ou seja, agora, a costa do país está mais dominada por empresas brasileiras.

Sem contar que algumas embarcações podem ser incorporadas por outras. Segundo os dados da Abeam, cerca de 39 que eram de bandeira estrangeira, agora tem a bandeira do Brasil.

Para que serve a frota de apoio marítimo?

A frota de apoio marítimo pode desempenhar diversos tipos de função, dependendo da embarcação. Pelos dados da Abeam, 47% são de PSVs (transporte de suprimentos) e OSRVs (combate ao derramamento de óleo).

Há ainda LH ( responsável pelo manuseio de amarrações e linhas) e SVs (mini supridores) que correspondem a 19% do total. Já as embarcações AHTS (12%) servem para o manuseio de âncoras, os crew boats para transporte da tripulação e os RSVs são equipados com robôs.

Como se vê, mesmo que a frota de embarcações de apoio marítimo em operação no Brasil pareça algo homogêneo, não é. O conjunto de barcos possui diferentes unidades, sendo que cada uma desempenha uma função para manter o mercado offshore funcionando.

Se não houvesse uma embarcação de combate ao derramamento de óleo, por exemplo, os resíduos poderiam se acumular no mar, ou ainda ser necessário solicitar suporte para situações como essa.

A produção embarcada só funciona de maneira orquestrada, porque as empresas atuam em conjunto.

Quer saber mais sobre esse segmento? Veja outros conteúdos no blog da Copastur!

Copastur banner

SUA EMPRESA TAMBÉM PRECISA DE UMA GESTÃO INTELIGENTE DE VIAGENS?

Entre em contato para contratar nossos serviços

Fale Conosco
We are using cookies to give you the best experience. You can find out more about which cookies we are using or switch them off in privacy settings.
AcceptPrivacy Settings

GDPR

  • teste

teste