Você Sabe Quais São os Maiores Exportadores de Petróleo do Mundo?

Os maiores exportadores de petróleo do mundo ganham sempre bastante destaque na mídia, por esse ser um recurso não renovável de extrema importância econômica. Porém, ao contrário do que é possível supor, muitos dos países que possuem grandes reservas não são os que mais vendem a matéria-prima.

Utilizado principalmente nos transportes, o petróleo é um bem estratégico e, por isso, é um tema que gera tantos embates. Quer entender melhor como esse recurso está distribuído em todo o mundo? Saiba mais neste artigo!

Quais são os maiores exportadores de petróleo?

De acordo com a CIA, a agência de inteligência dos Estados Unidos, a Venezuela é o país que mais possui petróleo, com 300,9 bilhões de barris. Apesar disso, há anos, o local passa por uma grave crise econômica.

Nesse caso, existem vários fatores que explicam por que a riqueza venezuelana não é tão aproveitada. O primeiro está relacionado com a geografia, pois a maior parte do petróleo que tem lá é do tipo pesado. Ou seja, a alta densidade do recurso torna a extração cara e difícil de ser feita.

Além do mais, os Estados Unidos impuseram uma série de sanções econômicas para a Venezuela. Por esses motivos, mesmo tendo uma reserva tão expressiva, o país não encabeça o ranking dos maiores exportadores de petróleo do mundo. Atualmente, a lista é composta por: Arábia Saudita, Estados Unidos, Rússia e Irã.

Como o Brasil se equipara aos outros exportadores?

O Brasil é conhecido mundialmente por abrigar uma série de riquezas naturais, sendo uma delas o petróleo. Atualmente, o país detém a 15º reserva do recurso, de acordo com dados da CIA.

Em 2018, o Brasil exportou mais de 400 milhões de barris de petróleo, no mesmo ano em que importou 68 milhões para consumo interno, segundo a Agência Nacional de Petróleo (ANP). Na teoria, o país poderia ser autossuficiente, já que a produção é maior do que o consumo.

No entanto, o petróleo importado é diferente do que é produzido aqui. O parque de refino brasileiro não consegue refinar grande parte dos recursos. Por isso, o Brasil importa combustível e outros derivados, e exporta óleo.

Desse modo, por uma falta de tecnologia e investimentos na área de refinaria, o país focou mais na exportação.

Entretanto, isso não significa que em algum momento as estratégias não sejam mudadas, e o aumento das refinarias não possam diminuir a quantidade de petróleo importado.

Quer entender melhor o segmento offshore e os maiores exportadores de petróleo do mundo? Então, acesse os outros conteúdos da Copastur!

copastur banner simulador economia

SUA EMPRESA TAMBÉM PRECISA DE UMA GESTÃO INTELIGENTE DE VIAGENS?

Entre em contato para contratar nossos serviços

Fale Conosco
We are using cookies to give you the best experience. You can find out more about which cookies we are using or switch them off in privacy settings.
AcceptPrivacy Settings

GDPR

  • teste

teste