Como montar uma pesquisa de satisfação para eventos corporativos?

O planejamento de um evento corporativo requer experiência e constantes reavaliações. Esteja você organizando um ciclo de palestras, um seminário, um jantar de negócios, uma feira ou uma festa, lembre-se de que, para fortalecer relacionamentos e a imagem de sua marca, é preciso ter atenção a todos os detalhes. A pesquisa de satisfação para eventos é uma ferramenta essencial para avaliar os resultados dos esforços de toda a equipe envolvida na organização do evento.

Quer entender como montar uma boa pesquisa de satisfação? Reunimos algumas dicas simples de quem reuniu anos de experiência na área! Continue a leitura!

Qual é a importância de montar uma pesquisa de satisfação para eventos?

Apesar de alguns fatores político-econômicos, o mercado de eventos corporativos é um dos que mais crescem no Brasil. Segundo a Associação Brasileira de Empresas de Eventos, eles são o terceiro principal motivo para a vinda de turistas em nossos país. Sem dúvidas, os eventos corporativos são uma oportunidade e tanto para fortalecer a imagem de sua empresa e galgar posições no mercado.

Como dito anteriormente, as pesquisas de satisfação para eventos permitem avaliar se os esforços de toda a equipe geraram resultados positivos, negativos e quais foram eles. Ela é uma etapa essencial para o estudo de estratégias, permitindo que gestores percebam, com mais clareza, quais ferramentas e recursos geram saldo positivo para o negócio e quais precisam ser repensados.

Como montar uma pesquisa de satisfação ideal?

Há uma grande diversidade de táticas para uma pesquisa de satisfação efetiva. Acompanhe, a seguir, algumas dicas para você montar a sua!

Defina o formato da sua pesquisa de satisfação

Você pode trabalhar de diversas maneiras: papel, online ou contato direto com participantes. As pesquisas online facilitam a coleta massiva de dados, sendo ideais quando você precisa coletar o feedback da maior quantidade de participantes possível. Elas facilitam a análise de um grande número de dados e também a coleta, já que os próprios entrevistados se conduzem pelo questionário.

As pesquisas de papel podem ser distribuídas durante o evento. Por necessitarem de alguém que as distribua e recolha, é preciso que haja alguns profissionais responsáveis por assegurar que elas sejam corretamente preenchidas.

Já as pesquisas realizadas em contato direto com o público ajudam na coleta de dados e reações espontâneas, o que contribui com uma análise qualitativa mais completa. Também requerem profissionais bem treinados para que as respostas coletadas não sejam tendenciosas. O ideal é que as equipes envolvidas cuidem apenas disso, já que elas precisarão abordar os convidados, deixá-los à vontade e fazer registros completos.

Tenha cuidado com o número de questões

No momento de determinar quantas e quais serão as questões de seu questionário, lembre-se de focar no que é essencial para a avaliação de seu evento. Coloque-se no lugar do frequentador: além de pagar as taxas cabíveis, ele ainda terá de arcar com um estudo enfadonho? Obviamente, as respostas colhidas nessa situação não servirão de amostragem.

Quando você conta com uma equipe de profissionais dedicadas à pesquisa, você tem a liberdade de fazer questionários um pouco mais longos, já que o entrevistado concordou em responder a pesquisa e está um pouco mais disposto.

Entre as questões mais comuns para esse tipo de pesquisa, estão os seguintes tópicos:

  • profissão;
  • faixa etária;
  • o que achou da estrutura do evento;
  • o que achou do conteúdo das palestras;
  • como teve conhecimento do evento, entre outros.

Mantenha-se fiel à estrutura essencial para sua empresa. Nessa área, objetividade é a chave para assegurar dados fiéis!

Evite fazer a pesquisa durante o evento

Além de provocar dificuldades para os entrevistadores, ao fazer a pesquisa durante o evento, nem todos os participantes estarão disponíveis para responder suas perguntas em meio a um dia cheio.

O ideal é que você envie a sua pesquisa por e-mail, junto de uma mensagem de agradecimento pela participação. Reforce a importância desse questionário, ressaltando os benefícios que o usuário vai colher ao contribuir com sua pesquisa.

Colete e organize seu mailing

Para coletar o feedback dos participantes por e-mail, é essencial que você tenha o endereço de todos que participaram do evento. Planeje uma estratégia para captar esses e-mails de maneira eficiente antes ou durante o evento. Uma das etapas mais propícias para isso é o cadastramento. Dessa forma, você garante um endereço válido e não envia materiais inéditos para alguém que não tenha participado do evento.

Trabalhe com notas

Para “quebrar o gelo” e fazer com que o participante não se sinta incomodado por responder seu questionário, insira um pedido de nota geral. Você pode inseri-lo no início da sua pesquisa, de forma que o usuário não tenha refletido sobre cada um dos aspectos do evento em particular. Assim, você garante que ele estará falando de todo o evento, e não apenas de uma parte dele. Isso facilita a avaliação da impressão geral do evento.

Um recurso que facilita na obtenção dessa nota geral é a escala. Com um número ímpar (1 a 5, por exemplo), você obtém uma nota média (3), notas positivas (4 e 5) e notas negativas (2 e 1).

Peça avaliações detalhadas

Segmente os principais elementos de seu evento (tais como facilidade para encontrar informações, conteúdo das palestras, qualidade do buffet, entre outros) e peça para que os entrevistados avaliem cada um deles individualmente.

Novamente, o sistema de escalas pode ser usado para facilitar a coleta de dados e uniformizar os critérios de avaliação. Dessa forma, você pode comparar os itens com maior facilidade e entender quais mais agradaram e quais não foram tão bem-recebidos.

Mescle questões abertas e fechadas

Seu questionário não pode ser enfadonho, mas também não precisa ser tão sintético a ponto de fornecer poucas informações relevantes para a sua empresa. Por isso, disponibilize questões abertas para que o seu entrevistado possa dar sugestões ou fazer reclamações. Esse tipo de pergunta permite que você colete dados inesperados, o que contribui para uma análise mais completa de seu evento.

Conte com uma equipe capacitada

Como você pode observar, as pesquisas de satisfação requerem experiência, não somente para a coleta de dados, mas também para o seu planejamento. Uma agência especializada na organização de eventos corporativos conta com a expertise e com a tecnologia necessárias para uma avaliação eficientes.

As pesquisas de satisfação de eventos são essenciais para uma estratégia de negócios em eventos. Nós, da Copastur, oferecemos uma série de produtos e serviços para que seu evento corporativo atenda às estratégias de sua empresa. Para saber mais, entre em contato conosco!

SUA EMPRESA TAMBÉM PRECISA DE UMA GESTÃO INTELIGENTE DE VIAGENS?

Entre em contato para contratar nossos serviços

Fale Conosco
We are using cookies to give you the best experience. You can find out more about which cookies we are using or switch them off in privacy settings.
AcceptPrivacy Settings

GDPR

  • teste

teste